Receita Buk-Baiestorf

Tempinho atrás a Leyla me mandou massa de Tapióca e resolvi fazer um prato tradicionalmente indígena Tupi-Guarani (que viviam entre os estados de, hoje, São Paulo e Ceará) com ingrediente indígena Guarani (que viviam onde, hoje, fica o Sul do Brasil). Assim, fiz tapióca com molho de pinhão (que é, talvez, o prato mais característico de Santa Catarina).

Modo de preparo da tapióca:

– Deixar massa de tapióca de molho por duas horas, cobrindo a massa com água,

– Depois deste tempo jogar a água fora e colocar um pano sobre a massa para absorver o resto da água,

– Quando a massa estiver bem seca, peneirar a massa que for usar (para uma tapióca grande usa 3 colheres de sopa). Colocar sal à gosto e misturar sutilmente com a colher,

– Na frigideira aquecida espalhe a goma (obs: Não se deve usar nada na frigideira),

– Adicionar recheio e fechar a massa,

– Aqueça de um lado, depois do outro dourando um pouquinho e está pronto.

Ingredientes do recheio:

– creme de leite,

– azeite de oliva,

– pinhão,                       

– cebola,

– alho,

– pimentão amarelo

– salsinha, cebolinha verde, queijo colônial, sal e pimenta seca.

Modo de preparo do recheio:

– Pique todos os ingredientes e os coloque numa panela (menos a salsinha, cebolinha verde e o queijo) e refogue tudo no azeite de oliva.

– Coloque o creme de leite e deixe cozinhar por uns três minutos,       

– Coloque o queijo dentro, sal e pimenta a gosto. Deixe o queijo derreter completamente e acrescente salsinha e cebolinha verde picadas.

– Recheie a tapióca com o molho de pinhão e bom apetite.

Para acompanhar Leyla e eu recomendamos um bom vinho, mas há quem prefira o bom e velho chimarrão com tapióca.

4 Respostas to “Receita Buk-Baiestorf”

  1. Porra, tapioca é muito bom, mas nunca provei esse tal de pinhão rss… aqui na Bahia o tradicional é tapioca recheada com um tipo de molho doce feito com côco ralado… mas vendem geralmente com carne seca e abóbora, com mussarela e bacon, todo tipo de coisa. Carne seca e abóbora é preferido. Faço em casa também! super fácil! abs

    • Pinhão é uma semente, acho que existe somente aqui no Sul e não é fácil encontrar (e é possível encontra-la somente nos meses de inverno). Pinhão é uma semente que alimenta muitas espécies de animais silvestres, por isso seu consumo é controlado. Como sou vegetariano, pinhão é um ótimo ingrediente de substituição da carne em molhos.
      Leyla já me falou desta tapióca tradicional (que é doce). Fiz algumas doces e não gostei, sei não, meu paladar pende mais pros salgados. Na minha próxima visita ao Nordeste quero experimentar várias (sem carne) e tomo coragem de experimentar essa doce que leva coco ralado.
      Sou um glutão sempre aberto a experimentar todo tipo de sabores da cozinha mundial (que não levem carnes).

      • Pinhão a gente acha em São Paulo tb. Na chácara da minha família tem uma porrada, sempre qndo é época nos deliciamos com esta iguaria.

        Gostei da receita, vou tentar fazer!

        Abraço!

      • Rapaz, essa tapioca doce também não é minha preferida não, mas é aquela coisa: se me oferecerem eu como kkkkkkk

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: