Cisnes Selvagens

“Cisnes Selvagens – Três Filhas da China” (de Jung Chang, 640 páginas, editora Companhia de Bolso) resgata a história da família da autora e, principalmente, nos dá uma valiosa idéia de como as mulheres chinesas são tão maltradas por sua própria sociedade. O relato retrocede ao início do século XX quando a avó de Chang é oferecida como concubina a um poderoso militar (a avó teve seus pés enfaixados, chamados na China de “lírios dourados de oito centímetros”, que consistia em enrolar um pedaço de pano branco de uns seis metros de comprimento em torno dos pés de uma criança, geralmente antes dos dois anos de idade, dobrando todos os dedos, com exceção do dedão, para dentro sob as solas e depois colocar uma grande pedra em cima para esmagar o arco dos pés. Coisa de sádico, mas na China isso era  considerado, até meados dos anos 30 do século XX, um padrão de beleza). Depois acompanha a história da mãe da autora que viveu a ocupação japonesa na Manchúria, o governo de Kuomintang, a queda de Chang Kaichek, a guerra civil e a vitória de Mao (os pais da autora foram autoridades comunistas), até chegar na história da própria Jung Chang (foto ao lado) que, quando adolescente chegou a fazer parte da Guarda Vermelha de Mao e como ela passou a suspeitar do totalitarismo do governo de Mao quando foi implantada a “Revolução Cultural” (que inspirava todos os chineses à serem devotos fanáticos de Mao, cultuavam a miséria e a ignorância, por exemplo, nesta época a China ficou, por mais de seis anos, com todas as escolas fechadas e os professores e intelectuais sendo perseguidos). “Cisnes Selvagens” é um livro obrigatório, tanto como estudo do machismo na sociedade chinesa, quanto como história política de uma das grandes potências mundiais do mundo de hoje. E confirma uma velha máxima que tenho de qualquer regime político: seja capitalismo, comunismo, anarquismo ou qualquer outro “ismo”, pobre só se fode!!!

Ditador Mao e cartaz de propaganda política.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: