Dr. Bartolomeu e a Clínica do Sexo

“O Retorno do Dr. Bartolomeu e a Clínica do Sexo” (2008, 180 min.) de Tom Camp’s (Antônio Campos). Com: José Mojica Marins, Vivian Mello, Sharon, Dany, Josy e Iza.

Nesta continuação de “Dr. Bartolomeu e a Clínica do Sexo” (2001, Tom Camp’s e Mario Lima), José Mojica Marins interpreta o Dr. Bartolomeu, um médico pesquisador de uma poderosa fórmula contra a impotência sexual, mais forte do que o Viagra.

Como o Mojica se mete em tanto filme ruim é de deixar o cara pensando, seriam amizades erradas que fazem ele ajudar nas produções, desespero por grana ou conviccões ideológicas?… No caso deste “Dr. Bartolomeu” acredito que possa ser por convicções ideológicas. Explico: Em 2004 assisti uma palestra do Mojica em Goiânia onde ele vociferava, tal qual um pastor crente dos infernos, o medo masculino da impotência sexual, zoava com a nova geração dos bebedores de coca-cola e dizia que todos eles iriam se tornar adultos brôxas. Eu, com uma cerveja na mão, me divirti muito aquele dia. Toda a obra de Mojica, desde os anos de 1960, esboça o medo da impotência, então penso, que muitas vezes Mojica se mete nos projetos mais horríveis acreditando que estará fazendo o filmaço e acreditando muito que assunto “X” deva ser discutido e se o diretor “Y” não consegue fazer um filmaço, isso já é outra história.

Aqui neste “O Retorno do Dr. Bartolomeu e a Clínica do Sexo”, Mojica ganha vários diálogos sérios que, quando ditos com seu português maravilhosamente errado (amo o jeito que o Mojica fala), se tornam engraçadíssimos. Mojica não está em nenhuma cena de sexo, ele funciona como uma espécie de apresentador das fodas do filme, fodas essas com meninas bonitinhas (nenhuma maravilhosa, mas também nenhuma como as feiosas engraçadas/espirituosas do cine-pornô nacional dos anos de 1980) que, pela falta de empenho, tornam as trepadas um sexo burocrático sem vida e, num pornô, não há nada pior do que trepadas meia-boca.

Mas mesmo assim, com tudo sendo tão mornô (menos a interpretação do Mojica que está ótima), deixo a dica para que todos conheçam essa produção que, para além do bem e do mal, dá seqüência a tradição pornográfica de Mojica iniciada com filmes como “24 Horas de Sexo Ardente”, “A Quinta Dimensão do Sexo”, “48 Horas de Sexo Alucinante” e “Dr. Frank na Clínica das Taras”.

Comprar ou assistir o filme, clique aqui:

http://www.sexxxyvod.com.br/portal/dvds/sobre.cfm?accept=true&ID=794

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: