Catavídeo 13

Pessoal de Florianópolis que sempre reclama que na Ilha não acontece nada, finalmente não poderá reclamar!!! A Décima Terceira Mostra de Vídeos Catarinenses vai acontecer do dia 05 a 12 de novembro ali pelo centro, desta vez com direito a filmes de horror e filmes polêmicos até então inéditos em Florianópolis e região. A abertura do Catavídeo Treze é dia 05, às 17 horas, com exibição do longa-metragem “Encarnação do Demônio” (2008) de José Mojica Marins, seguido de um debate com o realizador, na Fundação Cultural Badesc.

Os destaques desta edição do Catavídeo são as Sessões Malditas (sempre no Instituto Arco Íris). Dia 07, 22 horas, rola a exibição do imperdível longa “A Noite do Chupacabras” (2011) de Rodrigo Aragão, com presença do próprio e a minha também (representando todo o elenco do filme). “A Noite do Chupacabras” foi lançado em julho deste ano no festival FantasPoa de Porto Alegre e, desde então, já participou de vários festivais.

Dia 08 rola um debate comigo (agora representando a Canibal Filmes), Gurcius Gewdner e Saulo Popov Zambiasi às 21 horas, seguido de uma Sessão Maldita da Bulhorgia Produções com 80 minutos de curtas do Gurcius, entre eles “Freddy Breck Ballet” (2010), “Tudo Começou quando Mamãe Conheceu Papai” (2007) e vários outros.

Dia 09, as 22 horas, rola Sessão Maldita Canibal Filmes com minhas produções. Essa sessão é só com filmes casca-grossa, programei o cult “Deus – O Matador de Sementinhas” (1997), que sempre teve problemas de exibição e censuras de todos os tipos por mostrar uma visão de deus mais descontraído; “Manifesto Canibal – O Filme” (2007), que é a versão desconstruida em filme do livro “Manifesto Canibal” que escrevi em parceria com Coffin Souza; “Que Buceta do Caralho, Pobre Só Se Fode!!!” (2007), uma experimentação onde discuto a vida dos casais brasileiros e “O Doce Avanço da Faca” (2010), sobre religiosos fanáticos atacando pessoas que não se enquadram em seus dogmas divinos. A Sessão Maldita Canibal Filmes é prá maiores de 18 anos.

No dia 10 a Sessão Maldita é com a Conjuração Trash do Saulo Popov Zambiasi (já fiz participações especiais em alguns filmes do irmão de Saulo, como “Shuím – O Grande Dragão Rosa”, onde Saulo era a personagem principal), com títulos como “Carpindo os Corpos” (1997), “Corra Santiago” (2007) e outros.

A programação completa está no site do Catavídeo. A Fundação Cultural Badesc fica na Rua Visconde de Ouro Preto número 216, centro e o Instituto Arco Íris, local onde rola todas as Sessões Malditas, fica na Travessa Raticlif número 56, também no centro.

Fiquem com dois filmes que não serão exibidos no Catavídeo 13:

Uma resposta to “Catavídeo 13”

  1. Estárei lá!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: