Arquivo para Infect

Infect

Posted in Música with tags , on novembro 27, 2010 by canibuk

Infect é uma das bandas nacionais de garotas que reinam pela minha playlist desde 2005, quando descobri a banda.
A banda é de São Paulo e foi formada no finalzinho da década de 90 e tocava um hardcore (fastcore/trashcore) rápido e pesado numa época onde as bandas femininas que surgiam eram todas “leves”. Já não existe mais, cada garota seguiu um rumo diferente, mas deixaram sons ótimos por aí com letras que falam sobre desigualdade social, críticas ao machismo e homofobia e que defendem a legalização do aborto e vegetarianismo. No início assumiam uma postura “Straight Edge” e conseguiram um grande espaço nesse meio, tanto aqui no Brasil como em outros países. A banda foi longe e teve materiais lançados na Europa e nos EUA.
Eu, como mulher defensora da nossa liberdade acima de qualquer coisa e adoradora de bandas de garotas, acho que deveria existir mais espaço pra bandas assim, que defendem os direitos da mulher, os direitos de escolha, que assumem essa postura crítica e gritam o “foda-se” pro preconceito e machismo, e lutam pra conquistar o espaço que querem. Existem bandas ótimas por aí que defendem o mesmo, mas são poucas as que têm oportunidade de mostrar o trabalho, de  mudar alguma coisa ou pelo menos deixar o seu grito de indignação no mundo.

Pra quem não conhece e quer conhecer o sons das garotas segue links pra downloads.

Estrétipo (2002) – http://www.4shared.com/file/49363306/b06cfad0/Infect_-_Estrpito.html
Infect + Discarga (Esse vale muito a pena ouvir) – http://www.4shared.com/file/49364071/fed87f54/Infect_-_Split_With_Discarga.html
Indelével (2004) – http://www.4shared.com/file/49363967/9ca6e816/Infect_-_Indelevel__2004_.html

Vocês se assustam porque querem a submissão,
Tem medo da outra realidade.
Da minha vontade de ser tão forte quanto a sua,
De eu sair da posição passiva destinada às mulheres,
De eu não me reprimir ou simplesmente esperar.

Puta ou vagabunda é elogio,
Se significa desprendimento das suas regras idiotas.
Não, isso não é um jogo,
Isso sou eu realizando meus desejos mais simples.

(Puta – Infect).


“ANGRY WOMEN ON A BAD DAY”