Arquivo para sexual horror

Suehiro Maruo

Posted in Arte Erótica, Quadrinhos with tags , , , , on outubro 14, 2010 by canibuk

Eu não sabia bem em que categoria encaixar esse post, provavelmente em “Arte Erótica”, mas a arte de Suehiro Maruo é mais que isso, caberia bem numa categoria chamada “Arte Erótica Brutal Surreal Grotesca Bizarra Sanguinolenta”.

.

.

Suehiro Maruo nasceu no Japão, numa família pobre, abandonou logo cedo a escola e passou a adolescência metido em confusões e em pequenos roubos. Era um vagabundo, não tinha profissão e só aos 24 anos é que virou quadrinista e começou a fazer HQs eróticas.  Hoje ele é um dos maiores representantes do mangá underground japonês e seus trabalhos são vendidos como artigos de luxo.

Uma HQ que mostra bem o estilo do cara é a ERO-GURO (Ultra Gash Inferno), publicada aqui Brasil pela Conrad (mas não sei informar se tá fora de catálogo  ou não, mas quem achar pra comprar vale a pena).  Nessa HQ tem 9 histórias diferentes e temas que envolvem sodomia, zoofilia, canibalismo, coprofilia e não dá pra não querer ver isso.

Uma das histórias que mais gostei foi a Shit Soup, que é uma homenagem ao livro “Story of the eye” do escritor francês Georges Bataille. A história mostra um menage a trois entre dois jovens e uma garota que enfia um olho de vaca na vagina e pede prum dos garotos chupar e tirar o olho lá de dentro enquanto outro cara fica lambendo o olho dela. A história termina  com os três fazendo uma mistura de suas fezes, colocando num prato e depois se deliciando com elas. No epílogo o Maruo descreve o gosto e nos convida a comer merda literalmente. Hum, fica a critério de cada um aceitar a experiência.

.

É uma obra que merece ser vista e apreciada. Uma arte inovadora e perturbadora que expõe o lado mais assombroso do ser humano. A delicadeza dos traços misturada a toda brutalidade e horror é o que mais fascina.

Entre tantos outros pintores e ilustradores japoneses, ele é um dos que mais admiro. Em breve farei mais posts sobre outros artistas tão bizarros quanto ele e que me servem de grande inspiração sempre.

.